Skip navigation

Conceituar  produtos, serviços e visual merchandising, motivar equipes de lojas com foco em  design diferenciado, customizar e promover eventos interativos que divulgam conteúdo e estilo, identificam minha experiência e entusiasmo por projetos de lojas conceito.

Uma recente viagem de pesquisa a NY, foi uma oportunidade para identificar e analisar marcas que  surpreendem consumidores de forma inspiradora.

 

A experiência de uma manhã ensolarada de inverno no Central Park é minha inspiração para a busca de emoções únicas na Big Apple.

Uma das tendências marcantes de várias empresas é aliar entretenimento e varejo, como uma forma de estimular interatividade, participação e momentos memoráveis. O valor da experiência vivida torna-se cada dia mais importante no consumo de produtos e serviços.

 

 

Na época de Natal, a patinação no Rockfeller Center atrai visitantes do mundo inteiro para as lojas de Midtown Manhattan.

Abaixo o resultado de uma pesquisa de marcas que valorizo porque conseguem um grande desafio: trabalhar o ato da venda como CONSEQUÊNCIA de uma experiência percebida, onde o cliente é tratado como um CONVIDADO para viver momentos inesquecíveis.

PRADA

A loja conceito da Prada no Soho surpreende por sua arquitetura interna que serve tanto para projeto único de visual merchandising, quanto para a promoção de atividades culturais ajudam no tráfego de clientes na loja.

O exposição de produtos da Prada surpreendem tanto quanto instalações de arte.

 

 

Um palco retrátil recebe shows de artistas. A loja, além de vender produtos passa a ser uma referência cultural na cidade.

O desafio da marca é que a loja não se transforme em uma atração pura e simples, perdendo o foco comercial da operação de destino refinado de compras.

Arte e comércio: unidos, atraem visitantes do mundo inteiro para a loja que transcede a idéia de simples venda de produtos.

MOSS

Um destino imperdível tanto no conceito de produtos quanto de visual merchandising.

Ao fundo, os lustres do designer holandês Tord Boontje, confeccionados com exclusividade pela Coopa Roca, uma cooperativa de mulheres artesãs da Rocinha, no Rio de Janeiro.

Bolas que flutuam ao redor de uma cadeira conferem um efeito de teatral, quase surrealista `a exposição dos produtos. Para entrar neste mundo de sonho, basta investir 3.000 dólares para levar a cadeira para casa.

O mood surrealista convida a imaginação dos observadores.

 

 

O projeto de iluminação é um ponto forte da loja, marcando ambientes e diferenciando coleções de designers mundiais.

Um painel forrado por restos de papelão, transforma uma simples parede em uma obra de arte.

 

CAMPANIELLO

Iluminação tem forte apelo em projetos de lojas conceito.

Iluminação sugere a circulação de clientes pela loja. Em áreas com menor intensidade, a iluminação estimula o relax.

KISAN CONCEPT SHOP

Kisan é uma pequena e exclusiva loja conceito bem em frente `a loja da MOSS, com um mix de produtos gloabalizado. Conversei com Lionel Bremond, um dos 3 proprietários e que adora o Brasil.

O urso branco é uma referência `a Islândia, terrra natal de um dos sócios da loja.

Interessante é o mix de produtos. Designers japoneses, franceses e islandeses, selecionados em viagens de pesquisa pelos proprietários, a loja reúne designers ainda pouco conhecidos, dos cenários da moda e design mundiais… Globalização com sabor de raízes regionais garante a autenticidade dos produtos.

O mix de produtos é sedutor por sua origem e designers exclusivos, desconhecidos do mainstream.

Uma sessão da loja é dedicada a brinquedos, fragrâncias e acessórios, como bolsas e echarpes.


JAIME MASCARÓ

O investimento de lojas conceito em arquitetura única, sugere a força de acessórios como ítem de estilo.

Sapatos falam sobre quem você é e a que você veio…são um dos elementos favoritos em minhas pesquisas sobre tendência de consumo.  Adoro, coleciono, reparo em todos os modelos e na de lojas arquitetura que promovem este ítem.

CAMPER

O texto abaixo resume a filosofia conceitual da marca:

Artesanato extraordinário é nossa maneira de entender tecnologia. Toda nossa paixão e know how se fundem com novas idéias para criar a próxima geração de sapatos que são úteis, inovadores e cheios de personalidade. Muita gente falou sobre tecnologia antes, mas nunca como CAMPER faz. Criatividade aplicada a todo o processo, da fase de pré-produção de um produto até a sua reciclagem. Nunca paramos de evoluir. Como sempre gostamos de dizer na CAMPER: “ A little beter, never perfect.””

É uma marca espanhola que nasceu e Mallorca em 1975, com a missão de refletir lifestyle de liberdade, conforto e criatividade em suas criações.

Um atendimento atencioso e personalizado marca o DNA de lojas conceito de primeira.

A experiência de atendimento na loja do Soho superou uma simples venda. Minha vendedora não me vendeu apenas sapatos, mas um mix de sensações com tecnologia! Tudo por US$ 185,00!

ALDO

Se tivesse Orkut, fundaria a comunidade daqueles que amam a ALDO. Com a carência criativa que abate designers de calçados masculinos no Brasil, só me resta visitar a ALDO nas viagens para NY, Paris, Londres…

A gerente Catherine me falou sobre o crescimento da marca de sapatos, que hoje também investe forte no campo da bijouteria.

Além de atrair clientes pelos preços competitivos, a marca  investe hoje no lançamento de tendências.

 

 

Um display com variedade de modelos masculinos, posicionados de forma curiosa, desperta o desejo de compra.

 

O modelo que escolhi tem o interior forrado de vermelho. Assim como na alta costura, o forro também conta a sua história.

Onde outras marcas chegam a cobrar US$ 1000,00 dólares por um par de sapatos, na Aldo você encontra modelos masculinos, com design diferenciado, por menos de US$200,00!

Presente em 46 países, a Aldo já tem lojas na América do Sul (no Chile e Venezuela). Se chegam ao Brasil, que se cuidem as marcas de calçados masculinos brasileiros…

APPLE  STORE

Como profissional do meio do design, sou fisgado por marcas  conceito quando viajo.

A entrada da concept store da Apple na 5th Avenue tem um efeito etéreo, de surpresa e design arrojado.

Mesmo o Brasil ter desenvolvido sua economia no últimos anos, o país ainda é carente de flagship stores da marca.

Portanto, toda vez que viajo, mordo a “maça” sem culpa nem piedade… pois reconheco seus benefícios práticos para minha vida. Design e experiências únicas são os ganhos imediatos de uma visita a Apple Store.

No interior, as mesas de cedro claro traduzem a leveza e bem estar do ambiente.

Adoro a sensação de liberdade de manusear os aparelhos dispostos por toda a loja. A primeira coisa que todos fazem é checar sua caixa de emails… Logo depois, começamos pouco a pouco a nos apaixonar pela rapidez da máquinas, a textura dos teclados, o visual da tela…pronto, a marca consegue nos encantar! A compra de um produto torna-se consequência desta experiência percebida.

Lojas conceito espelham em suas características o DNA de sua marca.

A APPLE é conhecida por promover workshops que promovem o conhecimento com consultores especialistas. Toda flagship store da marca  tem um auditório, onde apresentações dos mais diversos aplicativos são feitas. Promover conhecimento de novas maneiras na utilização de produtos tem sido uma forma eficaz de fidelizar clientes antigos e conquistar clientes novos.

 

Workshops e aulas interativas conquistam consumidores cada vez mais em busca de conhecimento como valor agregado ao produto que consomem.

MUJI

Ética social, superação criativa e design atemporal marcam a filosofia da marca.


Conheço a marca japonesa MUJI há muitos anos. Além de sua estética minimalista, de cores básicas, a companhia produz design funcional, sustentável, como ferramenta para facilitar e melhorar a vida das pessoas, a preço acessível.

MUJI, que em japonês signica “sem marca”, trabalha a estética e identidade de seus produtos através da personalidade conferida por seus usuários.

O visual merchadising da loja, posicionando canetas coloridas na entrada da loja, atrae clientes para seu interior.

Desde papelaria, até malas de viagem, relógios, roupas, capas de chuva, louça, utensílios e móveis  para a casa, a filosofia de design da marca com foco no “lifestyle”,  respeita a união de função,  estética e sustentabilidade.

A empresa veste toda a casa, atendendo o apelo do mix de produtos ligados lifestyle.

A marca está em 18 países mas o sentimento de acolhimento, de identificação com o universo  MUJI,  é sempre o mesmo. Isto porque, mais que distinção cultural, lojas conceito potencializam EMOÇÕES. E emoções são sensações HUMANAS, sentidas por todos, independente de nacionalidade, idioma, sexo, cor, credo ou raça.

OSKLEN

Loja da Osklen no Soho segue o conceito da flagship store da marca no Rio de Janeiro.

O charme brasileiro marca presença no Soho com o sucesso da marca Osklen, que vem conquistanto clientes fiéis na Big Apple.

Tanto que a marca tem planos de abertura de outra filial americana, desta vez em Miami.

 

 

Acompanhado de meu amigo de longa data Aércio, que hoje mora e trabalha na cidade, termino minha pesquisa celebrando novos encontros com Julia e Felipe, vendedora e gerente da loja conceito da Osklen no Soho.

Visite e inspire-se no site das marcas citadas neste post.

PRADA

MOSS

CAMPANIELLO

KISAN CONCEPT STORE

JAIME MASCARÓ

CAMPER

ALDO

APPLE

MUJI

OSKLEN

__________________________________________________________________________

 

Advertisements

6 Comments

  1. Mrcelo.

    What a collection of great photographs of my favorite stores in NY. I love you design sensibilities! Thanks for sharing.

    • Hello Reinhold!

      It’s great to hear from you. I’ve been working hard on other projects and still didn’t manage to translate the posts from portuguese into English. To write them in portuguese already demands quite a long tome… But I hope to fix that soon, in order to reach people with your sensitivity throughout the world. Hope you are having a busy season at your delicious bed and breakfast in Boston, which I hope to write about very soon in my blog. I promise that will be in English ;-)
      Thank you so much for your comment!
      Regards from Marcelo

  2. Mais uma vez fantástico, e pode ter certeza, que a viagem é possível a cada post publicado.
    O conceito, as tendências, isso é incrível.
    Parabéns!!!

  3. Amei essa matéria. Uma das melhores do blog. Obrigada por nos presentear compartilhando suas experiências.
    Beijos. Saudades.
    Dani

  4. Olá Marcelo, muito legal seu blog!!! Sabe me dizer se existe uma referência de flagship de loja de alimentos? Onde informações de como funcionam e como abrir uma? Obrigada, Li.

    • Olá Li,

      Obrigado pelo seu contato.

      Realmente não conheço nenhuma referência específica em lojas conceitos de alimentos… o que posso te dizer é que este nicho tbm está crescendo,, acabei de chegar de Paris recentemente e lá, terra da gastronomia, vc vê lojas botique em gastronomia.. muitas delas aplicam conceitos gerais vistos em lojas conceitos de moda ou design.. qdo puder me fale mais sobre seu projeto e quem sabe posso te dar algumas dicas adicionais.

      Um abraço,
      Marcelo Novaes


One Trackback/Pingback

  1. […] AQUI para checar o post Design de Lojas Conceito – NEW […]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: